19 de setembro de 2017

Villeneuve pensa como eu

Villeneuve diz que Vettel estava errado em Cingapura

O campeão de Fórmula 1 de 1997 comentou que o piloto alemão estava errado ao fechar a trajetória de Max Verstappen no início da corrida de Marina Bay

O GP de Cingapura começou com uma polêmica depois de ter um incidente controverso que deixou Sebastian Vettel, Max Verstappen, Kimi Raikkonen e Fernando Alonso fora da corrida.

Depois disso, as críticas foram feitas aos três principais envolvidos (Vettel, Verstappen, Raikkonen), mas para o campeão da Fórmula 1 em 1997, Jacques Villeneuve, o culpado foi o piloto alemão, que fechou o caminho do holandês.

"Vettel só pode culpar a si mesmo", disse Villeneuve ao Motorsport.com. "Se larga e muda o seu traçado, é normal que algo aconteça porque você não sabe o que está se passando atrás".

"Fazem isso a cada largada. Vê na F4, F3... todos mudam a trajetória... Bem, se você fizer isso, você paga por isso ... Quando você está lutando pelo título, você não pode correr riscos assim".

Villeneuve acredita que Vettel modificou abruptamente a trajetória e que foi o desencadeante do acidente em cadeia que também terminou com a corrida de Fernando Alonso, que começou brilhantemente e chegou em terceiro lugar na primeira curva.

"Você não pode mudar a linha desse jeito, não importa se você podia ver Kimi ou não. Na sua mente, não sabia se havia dois carros ali", acrescenta o canadense. "Sabia que eu tinha um começo regular, então estava ciente de que outros começaram melhor que ele. Foi por isso que ele cruzou". 

"Pensando que eles iriam diminuir a velocidade... não faz sentido. Ele acabou falhando. Você não pode apontar para Max. Ele simplesmente estava ali”. 

Os comissários da FIA decidiram não aplicar punições depois de analisarem o incidente, dizendo que não havia um piloto específico que fosse "totalmente ou principalmente culpado". 

Perguntado se Vettel merecia sanção, Villeneuve respondeu: "Eu acho que ele se sancionou o suficiente". 

"Era um circuito onde a Ferrari deveria ter conseguido muitos pontos, por isso é difícil ver o que aconteceu com eles. Mas ainda restam seis corridas, tudo pode acontecer. Lewis vai fazer algo. Apenas relaxar. É chato, mas é assim que são as coisas”.

Fonte: br.motorsport.com

Acho que Villeneuve só falou o que a maioria achou do incidente. Como eu disse na minha análise depois da prova, sendo ou não algo só de corrida, alguém a causou. E foi a pessoa que mais tinha a perder com isto.

Repito o que comentei com um amigo no Facebook, falei no Stop & Go e no meu post aqui, se sou eu, não seria agressiva na largada como Vettel foi. Ele tinha o maior adversário dele quatro posições atrás, um piloto louco na segunda posição, a pista estava molhada por conta de uma chuva que nunca havia acontecido antes na história da prova (ou seja, eles não tinham muito conhecimento do circuito sob estas condições) e se serve de consolo, o companheiro dele que provavelmente assumiria a ponta depois ótima largada que fez, teria que abrir para Vettel de qualquer jeito.

Coisas de corrida? Sim, acontece com todos. Mas quando se disputa um campeonato é bom ter um pouquinho de cautela também, agressividade não é tudo, ainda mais em Cingapura, onde muitas coisas podem acontecer.

Só a minha opinião, claro.

Beijinhos, Ludy

Nenhum comentário: