F1 e Amazon?

F1 e Amazon negociam transmissão de GPs por streaming 

Caso avance, ideia pode impulsionar a obtenção de novos fãs por parte da categoria 

 

A Fórmula 1 e a Amazon estão em negociações "ativas" pela transmissão de GPs da categoria máxima do automobilismo por streaming, segundo informou o Financial Times. De acordo com a publicação, o objetivo é atrair um público mais jovem para a elite do esporte mundial. 

O jornal diz que, na avaliação da F1, tal fatia do mercado seria mais propensa a assistir esportes por streaming ao invés de consumir esse tipo de conteúdo através de métodos mais tradicionais, como canais de TV fechada ou aberta. 

Ainda segundo o FT, o CEO da F1, Chase Carey, estaria liderando as tratativas com a Amazon. O dirigente norte-americano deixará o comando da categoria em 2021, mas seguirá envolvido no esporte em um cargo não-executivo. 

Carey confirmou à publicação que as negociações estão em andamento. “Sim, estamos em discussões substantivas com a Amazon e todas as plataformas digitais globais”, afirmou o CEO, que será substituído pelo italiano Stefano Domenicali, ex-chefe da Ferrari. 

“Eles são um parceiro em potencial incrivelmente importante e uma oportunidade para expandir nossos negócios", explicou Carey, que assumiu o comando da F1 em 2017, após Bernie Ecclestone 'vender' a categoria para a Liberty Media. 

Desde que 'comprou' a elite do esporte a motor mundial, o grupo tenta expandir a base de fãs da F1 e entrar com força na era digital. Não à toa, a categoria lançou seu próprio serviço de assinatura, a F1TV. 

Além disso, foi criada a série Drive to Survive (Dirigir para Viver, em inglês), da Netflix. Também houve uma série de investimentos na área de games eletrônicos, o que contribuiu para a realização de campeonatos de eSports, especialmente impulsionados durante a pandemia. 

De todo modo, a Amazon se recusou a comentar as negociações com a F1 para transmitir corridas por streaming. Entretanto, a nova atração aumentaria o repertório de cobertura esportiva ao vivo pelo mundo afora. 

Fonte: motorsport.uol.com.br

Eu super apoio a ideia. Amaria ver a F1 em um canal de streaming. Só espero que se isto acontecer, não seja somente para os países europeus. Tem que ser mundial.

Beijinhos, Ludy

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Enstone!

Alonso está bem!