Tudo parado

FIA renova período de paralisação das equipes de F1 por causa do coronavírus

Após reunião do Conselho Mundial da FIA, equipes e fabricantes de motores terão que continuar fechados

A FIA anunciou a prorrogação da paralisação das atividades da Fórmula 1, à medida que a crise do coronavírus continua evoluindo. No início, o desligamento original para as equipes era de 21 dias, mas no dia 7 de abril foi estendido para 35.

Com o início da temporada previsto para o início de julho, o Conselho Mundial do Esporte a Motor estendeu a paralisação para 63 dias consecutivos.

Esse período termina no final de maio ou no início de junho, dependendo de quando cada equipe iniciou oficialmente seu desligamento. 

Enquanto isso, o desligamento para fornecedores de unidades de potência aumentou de 35 dias para 49, terminando em junho. 

Nos dois casos, a FIA introduziu uma opção para que alguns trabalhos em centros de desenvolvimento sejam realizados na parte final do desligamento, mas serão monitorados de perto e nenhum trabalho aerodinâmico poderá ser realizado. 

O procedimento para fornecedores de unidades de energia é semelhante e também envolve um máximo de 10 funcionários, mas não há restrições quanto ao tipo de trabalho que pode ser feito e pode ser iniciado 36 dias após o início do período de desligamento.

Fonte: www.motorsport.uol.com.br 

É, eu vivi para testemunhar algo que literalmente parasse a F1.

Beijinhos, Ludy

Comentários

Paulo Moreira disse…
Nunca imaginei ver uma coisa desta acontecer na F1, nem no mundo inteiro. Resta esperar para tudo começar aos poucos a voltar ao normal.
E que começe rápido a F1.

https://estrelasf1.blogspot.com/
É inacreditável mesmo!

Nunca imaginei algo assim. Nunca!!!

Bjs, Ludy

Postagens mais visitadas deste blog

Para Lu... um Feliz Aniversário!!!!!!

Lu, parabéns pelo seu dia!!!!