8 de julho de 2018

Sobre Kimi, Lewis, Mercedes e a corrida de hoje

Raikkonen admite que merecia punição: “Foi erro meu”
  
Kimi Raikkonen disse que merecia a punição que recebeu ao colidir com Lewis Hamilton na largada do GP da Grã-Bretanha de F1. 

Hamilton caiu para o fundo do pelotão após Raikkonen travar as rodas e atingir seu pneu traseiro direito na curva Village, a primeira zona de frenagem da pista. 

Raikkonen recebeu uma punição de 10s, mas se recuperou e ainda conseguiu terminar no pódio, em terceiro – atrás de Sebastian Vettel, o vencedor, e o próprio Hamilton. 

Quando questionado após a prova se sentiu que a punição havia sido justa, Raikkonen disse: “Sim, foi erro meu. Não tem problema.” 

Fonte: br.motorsport.com

Você lê e vê a entrevista do piloto ao vivo, logo depois da corrida, admitindo o erro e daí lê algo como o que está escrito aqui, onde a Mercedes acusa Kimi de ter batido em Lewis de propósito.

Eu não sei nem por onde começar depois de uma acusação destas....


James Allison trabalhou com Kimi Räikkönen na Lotus e na Ferrari. Várias vezes neste blog eu escrevi textos e mais textos sobre como ficava feliz em ler as palavras dele sobre o talento e o jeito de trabalhar de Kimi, para hoje saber que este mesmo cara declarou que acha que a batida de hoje de Kimi com Lewis no começo da prova foi de proposital ou incompetência. Como um ser humano pode ser tão baixo? 

Toto Wolf repetir as palavras de Allison nem me surpreende, vai fazer de tudo para defender os pilotos da equipe dele, mas Allison? Alguém que conviveu e conheceu Kimi como pessoa e piloto, falar algo assim, é vergonhoso, desrespeitoso, asqueroso e ultrajante.

Kimi Räikkönen é um dos pilotos mais justos deste grid. Logo após a corrida ele mesmo assumiu o erro, não colocou culpa em ninguém. Quero que vocês me digam quantos pilotos fazem isto. Ele falou ao vivo na entrevista, para todo mundo ouvir e ver.

Eu fico fula de ódio de ouvir este tipo de acusação. Fico fora de mim porque além de ser ultrajante e caluniosa, é mentira. Kimi nunca bateria em alguém de propósito para nada, nem por ninguém, nem para beneficiar a ele mesmo.

 
Sou torcedora deste piloto há 13 anos, mas o vejo pilotar desde que ele chegou à F1 em 2001, acompanhei a carreira inteira dele, na F1, WRC, tudo, tudo e ele NUNCA foi desleal com ninguém, nunca.

Ver um ser baixo como o James Allison acusar Kimi desta forma me deixa realmente irada. E pela primeira vez concordo com algo dito por Arrivabene, que finalmente defendeu Kimi.

Agora sobre a corrida... Depois da dificuldade da batida inicial, acho que foi um bom resultado. Kimi mostrou um desempenho forte e foi bom de ver. Até mesmo a batalha perdida na briga contra Max Verstappen foi bacana.

Três pódios seguidos são sempre bem-vindos, ainda mais que foram conquistas justas. Como Kimi, diferente do que esta gente da Mercedes pensa.

Beijinhos, Ludy

Nenhum comentário: