Ritmo difícil

Raikkonen: Em Montreal é sempre difícil conseguir ritmo

Piloto da Ferrari lamentou dia complicado, embora esteja convencido de que tomou o caminho certo no final

Kimi Raikkonen teve dificuldades de encontrar o acerto de sua Ferrari, mas no final conseguiu ficar apenas 0s130 da Red Bull de Max Verstappen.

O "Iceman" explicou que não é tanto uma questão de problemas de sua SF71H, mas porque a pista canadense tem características especiais, o que dificulta a busca do ritmo.

"Eu não acho que foi um dia simples, é sempre muito difícil conseguir ritmo, porque há pouca carga, baixa aderência, bem como muitos solavancos e freios muito altos. Tentei cortar a chicane, tanto quanto possível." 

"Não é fácil, pelo menos melhoramos, então significa que tomamos a direção certa, ainda há trabalho a fazer, mas estou muito feliz ", disse Raikkonen à Sky Sports. 

"É claro que tentamos fazer o nosso trabalho normal, estar o mais preparados possível, mas amanhã veremos se estamos na pole, daremos o melhor de sempre e veremos o resultado que alcançamos", acrescentou.

Fonte: br.motorsport.com

Segundo lugar na segunda etapa de treinos livres do dia, mas a gente infelizmente sabe que não vai servir para nada quando for para valer.

Tão triste isto!

Beijinhos, Ludy

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Para Lu... um Feliz Aniversário!!!!!!

Lu, parabéns pelo seu dia!!!!