16 de julho de 2017

Tarde difícil

Vettel se diz surpreso com problema de pneus no fim

Sétimo, piloto alemão perde pódio a duas voltas da bandeirada com furo no pneu dianteiro esquerdo e vê vantagem no campeonato diminuir dramaticamente

O tetracampeão mundial Sebastian Vettel tinha uma vantagem de 20 pontos na liderança do mundial de Fórmula 1 no início do GP da Grã-Bretanha deste domingo (16). Após a corrida, o alemão viu sua folga ser reduzida a apenas um único ponto, depois da vitória de Lewis Hamilton e de problemas de pneu em sua Ferrari a duas voltas do fim terem o jogado de terceiro para sétimo.

Quando perguntado pela TV inglesa Sky Sports F1 se a Ferrari teve culpa na falha do pneu por tê-lo feito parar muito cedo, enquanto Sebastian sofria para tentar passar Max Verstappen da Red Bull pelo terceiro lugar, ele respondeu: "Eu não acho que alguém seja particularmente culpado”.

"Ver depois é fácil, mas no momento parecia bom. Kimi (Raikkonen) teve problemas semelhantes, e seus pneus eram cinco ou seis voltas mais novos. Então acho que isso nos surpreendeu.” 

"Eu acho que poderia ter sido um pouco melhor com certeza, mas não acho que foi um desastre. Acho que nós tivemos um bom carro, especialmente nas curvas. O equilíbrio estava bom.” 

"Os freios pegaram fogo no começo, o que comprometeu a largada e, a partir daí, foi uma corrida difícil.” 

"Eu não consegui passar Max (Verstappen), e só fiz isso com o pitstop, e então parecia que chegaríamos ou em terceiro ou em quarto. Era claro que Valtteri (Bottas) viria para cima de nós, e obviamente ele se beneficiou no começo porque eu estava preso.” 

"As pequenas coisas aqui e ali levaram a uma tarde difícil." 

Fonte: br.motorsport.com

É, tem domingo em que as coisas não saem perfeitas. E hoje foi assim para Vettel. Mas mesmo assim ele segue líder do campeonato por uma diferença de um ponto.

E não me digam que isto não é importante porque nós bem sabemos que é o que basta para separar quem vence de quem perde.

Beijinhos, Ludy

Nenhum comentário: