14 de maio de 2017

Toque de corrida

Mesmo assim, finlandês da Mercedes afirma que "pequeno toque" não foi de propósito

Valtteri Bottas fez uma boa largada, mas o ímpeto inicial foi quebrado após toque em seu compatriota da Ferrari que, por sua vez, também atingiu Max Verstappen, tirando ambos da pista e da prova.

"Tudo começou quando fui atingido na minha traseira direita", disse Raikkonen. "Ele pulou um pouco e, obviamente, você não pode controlar muito depois disso. Então fui embora com Max, mas tudo começou no primeiro toque. O que você pode fazer?"

"Fiz um bom começo, fui bloqueado por Bottas na reta, tive que tirar o pé, e então tocamos e minha corrida terminou."

Verstappen também comentou: "Acho que você pode ver claramente o que aconteceu: Valtteri bateu em Kimi e, claro, foi difícil para Kimi controlar o carro, então ele bateu em mim. Normalmente três carros na curva 1 é sempre muito apertado." 

"Foi lamentável. Quando você está do lado de fora, você sabe que é um pouco complicado, eu estava apenas dando um pouco de espaço, mas então eu tive uma Ferrari batendo em mim." 

Bottas disse do incidente: "Não foi de propósito, é uma pena que colidimos, foi apenas um pequeno toque." 

Fonte: br.motorsport.com

Realmente, não foi de propósito Bottas, mas foi o suficiente para ferrar com a prova de Kimi. Agora também já era... fazer o quê?

Na hora fiquei com tanta raiva que achei que a culpa tivesse sido do Verstappen, mas quando Kimi falou que tinha sido atingido por trás e perdido o controle, deu para perceber no replay.

Nada mais frustrante do que ver o seu piloto sair no início da prova. Pelo amor!

E a próxima corrida será Mônaco, uma corrida que nunca me agradou!

Beijinhos, Ludy

Nenhum comentário: