14 de maio de 2017

O que podia

Vettel admite surpresa com Hamilton tão perto, mas diz que fez tudo que podia na “boa corrida” da Espanha

Sebastian Vettel até liderou a primeira parte da corrida em Barcelona neste domingo (14), mas acabou sendo superado por Lewis Hamilton, que contou com uma melhor estratégia da Mercedes na Espanha. Ainda assim, Vettel segue na ponta do campeonato

Sebastian Vettel fez, neste domingo (14) em Barcelona, o que disse que ia fazer depois de ter feito o segundo melhor na classificação deste sábado. Saltou muito bem da primeira fila, manteve-se lado a lado com o rival de Lewis Hamilton por quase toda a reta principal do Circuito da Catalunha e levou a melhor ao ficar do lado interno da curva 1. Até aí corria tudo dentro do previsto, mas a Ferrari não conseguiu driblar a melhor estratégia da Mercedes, que acabou por colocar o inglês em condição de vitória.

Líder, o tetracampeão ainda parou antes dos rivais, calçou os velozes pneus macios novamente e foi para cima de Valtteri Bottas, enquanto na primeira colocação. O finlandês tentou segurar Sebastian como forma de permitir a aproximação de Hamilton, que vinha em terceira nesta fase intermediária da prova, mas o ferrarista executou uma bela ultrapassagem para superar o adversário. A vida do alemão mudou na sequência, já que a Mercedes antecipou a segunda parada de Hamilton.

A Ferrari reagiu e fez um pit-stop na sequência, mas Seb voltou com pneus médios, enquanto Lewis optou pelos macios. A partir daí os dois se pegaram na saída nos boxes, com uma primeira vantagem para Vettel. Só que, nas voltas seguintes, o britânico o superou que facilidade e partiu para o triunfo.

Falando sobre início da corrida, o piloto contou como foi a largada. "Eu tive um bom começo. Nós fomos roda a roda até a curva, então eu ganhei a posição dele. A primeira curva é muito longa, e Lewis ficou por muito tempo pelo lado de fora, mas eu fiz o oposto. Sabia que isso seria crucial", explicou o alemão. 

Mais tarde, Vettel admitiu que ficou surpreso ao ver Hamilton tão perto ao deixar os boxes após o segundo pit-stop. "Quando eu saí, fiquei surpreso por estamos tão perto. Tudo foi decidido na freadas, mas não sei se chegamos a bater ou não. Ainda consegui ficar à frente, estava dando tudo que podia para permanecer na liderança, mas ele me passou voando", disse. 

"Hoje, nós fizemos tudo que deu para fazer e acho que foi uma boa corrida", emendou. 

Mesmo com a vitória de Hamilton e o segundo lugar, Vettel segue líder do Mundial, mas agora tem seis pontos de diferença para o inglês da Mercedes. A F1 volta daqui a duas semanas, com o GP de Mônaco.

Fonte: Grande Prêmio

Claro que foi uma boa corrida. É só olhar a tabela do campeonato. 

Beijinhos, Ludy

Nenhum comentário: