8 de outubro de 2016

Arrivabene conseguiu me emocionar!


Desta vez Arrivabene conseguiu me emocionar. E por que? Porque quem é torcedor do Iceman vai entender o que significa ver Kimi nesta equipe depois de tudo o que já passamos com ele ali desde 2007.

Além disto, quando Arrivabene diz que Kimi ama a Ferrari, eu sei que é verdade. Por mais que eu não gosto do time italiano, eu sei que ele ama aquilo ali, que ele não estaria nesta equipe novamente se ele não gostasse de lá. Ele tem uma história em Maranello. De altos e baixos, mas dele e da equipe de Enzo. E de ninguém mais.

Já são 6 temporadas da carreira do Iceman por lá, a equipe pela qual ele mais competiu na F1, pela qual ele foi campeão. Sim, o nórdico ainda é o último campeão de Maranello desde a saída de Schumacher. O nome dele está gravado entre aqueles que deram aos tifosi três títulos. E ler estas palavras e não me emocionar, para mim é simplesmente impossível, mesmo que eu deteste quem as falou.

Para encerrar, a história do presente do capacete de motocross... uau! É o que eu sempre digo, os pequenos gestos dizem muito. E esta atitude fez meu meu coração ficar grato pelas pessoas que trabalham com Kimi diretamente, os engenheiros, sua equipe de mecânicos, alguns que estavam com ele há quase 10 anos quando ele foi campeão, os que estavam naquela foto de despedida em Abu Dhabi 2009, aqueles que o receberam de volta em 2013, outros que vieram ao longo do caminho, enfim, todos que tão carinhosamente lhe deram este presente, para mostrar a ele que se importam. 

E Kimi (embora seja todo reservado) gosta de sentir querido também. Todos nós gostamos.

Beijinhos, Ludy

2 comentários:

Anônimo disse...

oi desculpa mais q presente foi esse?
to meia perdida esse fim esse fim de semana!
Ana Claudia

Octeto Racing Team disse...

O capacete de motocross personalizado com as cores do de Kimi, eu falei no texto. ;)

Abs, Ludy