3 de setembro de 2016

Octeto TV: Stop and Go! - 1x14

No Stop and Go! de hoje temos uma filosofia só (para o próximo, estou estou pensando em abrir uma cerveja e gravar na minha amada mesa de boteco no terracinho de tanta filosofia de bar) sobre o que seria uma carreira bem sucedida. Só um título mundial garante uma carreira de sucesso?? Não estamos cobrando demais dos caras?
 
Aperta o play aí que tem até musica!



by Lu

7 comentários:

Carol M disse...

Lu, eu quis te pegar no colo e embalar... hahahahaha!!! É muito sofrimento.

Não vai dizer que tem Justin Bieber na sua playlist que eu já desfaço a amizade. kkkkkkkkkkk... Mas a música do Ed e Queen para encerrar... <3

Vou pedir para a Pry lançar a campanha "Webber na Mercedes com o Nico!" >.<


Amei a terapia de autoajuda, realmente me tocou. Vc tem razão! Sobre o que eu penso da carreira do Nico. Não acho que seja fracasso nenhum, ele é de uma era que tem Alonso, Raikkonen, Button, Vettel, Hamilton e até tio Schumi (saudade #simfaleiisso). Então, ele não é ruim, nem fracassado. O Massa é! O cara conseguir 20 vitórias tendo esses pilotos na pista e mais umas "zebras", é fodástico. É só ver os pilotos que mais têm vitórias, as equipes TRABALHAVAM para eles. No caso do Nico, a Mercedes praticamente trabalha contra ele. Se ainda não tem um título é porque a Williams não tinha carro para isso e porque a Mercedes sempre trabalhou para o Schumi e agora para o Hamilton, não por incompetência do Nico.

Mudando a categoria... Petter Solberg era um dos melhores pilotos do WRC,mas ele simplesmente é da era Loeb. Ferrou! Ganhou só um título enquanto o Loeb sambou e foi multicampeão. Mas nem por isso ele foi mal sucedido na carreira. Mas a F1 é uma pressão desgraçada de tudo quanto é lado e como vc mesmo falou, nós cobramos muito dos pilotos.

Desculpa, mas jornalista a gente vê de longe... kkkkk

Vamos continuar com força nesses cabelos, porque o ano não terminou ainda e temos que arrasar.

Beijos e boa corrida!

EricOliveira disse...

Lu, vamos lá... eras muita coisa pra falar, então senta que lá vem o textão... Bom, sobre o Nico, acho que quem judia e desdenha de uma carreira dessas é sem noção, confesso que não gosto do Massa mas até a carreira dele é uma ótima carreira, mesmo ele tendo sido segundo piloto e tals... enfim... mas realmente teve momentos em que ele se destacou, o mesmo acontece com Nico, 20 vitórias não é pra qualquer 1, Kimi tem 20 vitórias, mas a diferença é que tem um titulo... Mas acho que Nico devia se orgulhar sim, vi ele também remar muito até ter esse carro que tem hoje, o que deve ser frustrante é que ele bateu na trave duas vezes, 2014 e agora 2016, e se quase um campeão deve ser algo frustrante pra ele mesmo, agora o piloto que perder pro Hamilton, não deve se sentir mal, querendo ou não, Hamilton é diferenciado, e no momento que ele tá, auge da carreira, qualquer piloto que perder pra ele não deve se sentir mal por isso... Hamilton é muito bom, Nico também é, ja vi corridas incríveis dele, mas você sabe que a F1 é cruel... uma coisa que eu odeio na F1 é aquele ditado " Você é tão bom quanto sua ultima corrida ", parece que tudo que foi feito anteriormente é deletado, mas não é... tem toda uma história, eu como torcedor do Kimi sei muito bem como é isso, existe um momento em que esses pilotos, inclusive Massa, ja não tem mais o que provar pra ninguém, mas infelizmente esses tipos de julgamento sempre vão existir. Agora sobre aposentadoria, CARAMBA... eu vi todos os dois entrarem, vai ser muito estranho, não ver Button, Massa, em breve Alonso e Kimi, naquele informe das posições... esses caras passaram praticamente duas décadas na F1, nossa... como o tempo passa rápido, também até agora ainda não vi um piloto que me faça torcer depois que Kimi sair, ja torci pelo Hamilton em 2010, 2011... mas não foi aquela torcida de saber do dia a dia do piloto, saber o que ele achou do carro nos treinos livres, realmente vai ser muito estranho. Gosto do Sainz, gosto do Ricciardo, mas... é estranho, mas enfim... sabíamos que esse dia ia chegar, nós não estávamos e não estamos preparados pra isso. Também desejo muita sorte pra todos. Depois, juntos talvez saiam, Rosberg, Lewis e Vettel... aí vai ficar mais estranho ainda hahaha... vai ficar só a molecada que aos poucos vão envelhecendo... enfim. Espero que o Robin corra um dia, acho que vai ser engraçado, acredito que terei uns quase 50 anos, e o Robin entrando na F1. hahaha... Bom meninas é isso. Gostei muito desse vídeo, ele nos fez refletir sobre todos esses anos de F1, realmente filosófico. bjão meninas.

Octeto Racing Team disse...

Vcs dois são demais com os esses comentários imensos! Poxa! Vcs tiveram o carinho de escrever tanto. Que demais! Obrigada de coração!

Bem, Manu, Bieber não tem , mas tem coisas que só eu ouço ainda como Diego Torres. hehehe

Eu sei que Nico não tem uma carreira ruim, mas a pressão é grande, né? Acho que no fundo somos é injustos com os caras. O Massa não tem uma carreira ruim, tem uma carreira longa e em boas equipes. Massa, aliás, tem uma carreira melhor que a do Rubinho até porque teve mais maturidade para saber que não era o Novo Senna. Prova disso é que escolheu sair e sair bem ainda. Não ficou mendigando vaga quando não dava mais. O outro segundo contam, foi demitido da Globo pq usava o tempo em que era comentarista, as viagens pra cobrir as corridas para entregar CV nas equipes. Tem que saber a hora de parar, gente.

Sobre envelhecermos: eles tem quem os demita ou não contrate. Nós não temos quem nos demita da F1. Somos como Bernie Ecclestones e vamos ficando eternamente presos na categoria.

Sobre torcer temos que ficar sempre de olho nas bases para ver quem vai nos trair. A leva anda difícil, mas Nico e Hamilton, pelo menos tem ainda uns 5 anos para queimar aí. Pelo menos. Temos tempo para achar um rookie novo para amar. Não acham?

Beijos, Lu


Anônimo disse...

Nico vive um momento na carreira mto parecido com o que viveu o Nigel Mansell (O melhor inglês que vi correr, melhor q o Hamilton inclusive). Mansell perdeu 3 campeonatos (1986 pro Prost, 1987 pro Piquet e 1991 pro Senna) correndo na geração q ao meu ver é a mais forte q a F1 teve. A semelhança com a carreira do Nico é que em 1991 Mansell já tinha mais de 20 vitórias na carreira. Portanto, a pressão que ele sofria (De todos inclusive dele mesmo) era imensa. Enfim em 1992 com 38 anos ele conseguiu ser campeão mundial de F1.
Acredito em Rosberg. Hamilton e melhor mas Rosberg está próximo dele. O primeiro terço do Campeonato tudo deu certo pro Nico. No segundo terço tudo deu certo pro Lewis. A partir de Cingapura começa o último terço do Campeonato e tudo está em aberto. E só pra lembrar Rosberg venceu as 2 ultimas corridas. Será a maré virando de novo?
Por isso acredito que o titulo do Rosberg vem esse ano, e ainda q não venha ele tem mais 5 anos pra buscar o título. Mas independente do título acontecer ou nao Nico já é um vencedor na F1.
Andrey

Lu M. disse...

Carol!!!!!!! Desculpa!!!! Te chamei de Manu!!!! Desculpa! Pensei em vc e escrevi Manu! Heheheh
Bjs

EricOliveira disse...

Com certeza Lu, mas é tão estranho sabe, eu só torci pra 3 pilotos na F1, torcida mesmo, Villeneuve "era criança e não queria torcer pra Schumacher como a maioria, e achava o nome dele engraçado, coisa de criança mesmo." Montoya, ja conhecia ele da Indy, e quando foi pra F1, ganhou minha torcida, e depois Kimi, mas todos tiveram um motivo que eu considero especial, que me levaram a torcer por eles, coisa que eu acho dificil agregar no grid atual ou no futuro. Mas enfim... nunca sabemos. O empresario do Kimi ja ta otimista pra 2018, então que assim seja. hahaha... agora sobre o Rubens, concordo com você, apesar de gostar mais dele que do Massa, concordo plenamente. É isso. Bjão meninas.

Ps: Desculpa colocar entre aspas, é que a tecla do parentese fechado não ta funcionando. haha...

EricOliveira disse...