26 de julho de 2016

Mais clareza

Equipes pedem mais clareza na aplicação das regras

Por: Jonathan Noble, Formula 1 Editor

Em meio às últimas controvérsias, os times da Fórmula 1 querem rever e simplificar as regras para evitar descontentamento dos fãs

As recentes novas regras envolvendo limites de pista e comunicações via rádio parecem ter sido a gota d'água para que as equipes queiram rever o regulamento. O assunto foi colocado na agenda de quinta-feira do encontro do Grupo de Estratégia da categoria que está sendo realizado em Genebra.

Em Silverstone, fãs tiveram de esperar diversas horas até que os comissários decidissem se a Mercedes havia infringido as regras de rádio em favorecimento de Nico Rosberg. Já na Hungria, houve problemas relativos às bandeiras amarelas e à regra dos 107% na classificação.

Na esteira dessas questões, tanto a Mercedes, que já havia soltado um comunicado sobre o assunto, como as outras equipes sugeriram que algumas coisas precisariam mudar.

"Precisamos ter um regulamento com bom senso, mas provavelmente na F1 isso não existe", disse Christian Horner, chefe da Red Bull.

"É como a situação do rádio com o Button (na Hungria). Não ouvi o que foi dito, mas estamos extrapolando e tornando tudo muito complicado para os fãs".

"Acho que é preciso manter isso simples para que um espectador casual possa entender o que está se passando sem exagero no regulamento", emendou.

O chefe da Ferrari, Maurizio Arrivabene, acrescentou: "Com certeza, temos de esclarecer as áreas do regulamento. Se você tem uma área cinza, acaba sem saber para onde seguir". 

"Meu presidente levantou esse tópico um ano atrás e disse claramente que estamos complicando demais as coisas. Regras claras e simples podem ajudar o esporte", finalizou. 

Fonte: br.motorsport.com

Sinceramente, está uma bagunça. Uma hora é uma coisa, outra hora, outra.

Eu gostaria de saber o que houve de errado no rádio do Button na prova porque para mim tudo estava mais do que dentro das regras. Era sim uma questão de segurança, ele estava com problemas de freio. Mas não, a FIA achou que não era e puniu o cara.

Vettel disse recentemente e está certo, nós rimos mesmo da cara deles por contas destas porcarias todas, porque é uma piada a forma como a FIA emprega as punições. E não é de hoje.

Beijinhos, Ludy

Nenhum comentário: