10 de julho de 2016

Hamilton vence a terceira consecutiva no reino

Hamilton em corrida limpa e sempre concorrência direta, vence a terceira consecutiva na Inglaterra e a quarta no total.  Nico garantiu a segunda colocação e até a investigação em que está metido seja concluída, fica com uma pequena diferença na liderança. No terceiro degrau do pódio, Verstappinho.

Sol e chuva com o casamento da viúva e a largada com SC foi muito broxante. Por 5 voltas o SC ficou na pista. Na relargada metade do grid optou por entrara no box e trocar os pneus de pista molhada para intermediários. Quase que Hulkenberg bate no pitlane, mas sem incidentes sérios.

Nisso, Hamilton manteve a ponta enquanto Rosberg se segurava com um Verstappinho atacando firme e lutando pela segunda posição. Duas voltas após a largada, Wehrlein foi sozinho parar na brita gerando um DC virtual.

No pit dos lideres, Mercedes mostrou profissionalismo ao fazer a troca dos dois pilotos na mesma volta. Entra Hamilton, pit, sai Hamilton, meio segundo e chega Nico e mais um pit impecável.

Dez voltas mais tarde, Verstappen já tinha ultrapassado Nico e pego a segunda posição e a pista secando muito. Vettel foi o primeiro a colocar os slicks e a turma veio com tudo nas voltas seguintes trocando pneus. Mais um double pit bem sucedido da Mercedes.

Na pista, Alonso fazendo miséria com a McLaren Honda. Brigou bonito com o Massa pela nona posição. Um pouco mais de carro e o espanhol estaria bem melhor na corrida. Terminou fora dos pontos, uma pena.

Enquanto tudo isso, Kimi manteve-se constante ali pela sexta posição na maior parte do tempo e no finalzinho. Garantindo pontos enquanto Vettel fez de um tudo lá atrás. Nisso, soma mais pontos que o companheiro. Na calma e constância, Kimi é capaz de fechar o ano na frente na tabela.

Duelo Verstappen X Rosberg foi o ponto alto da metade final da prova. o Menino de 18 anos deu uma canseira no alemão que buscava diminuir o prejuízo e aumentar a vantagem para Hamilton de um para quatro pontos. Até que enfim, Nico conseguiu uma ultrapassagem limpa sobre o menino da Red Bull.  Ultrapassagem feita o alemão enfiou o pé para tentar chegar perto de Hamilton.

Vettel e Massa também se estranharam e o brasileiro reclamo que o piloto da Ferrari o empurrou durante a luta pela posição. Resultado? Punição para o Vettel. O alemão lutou, correu, fez e aconteceu, porém, não saiu da zona mediana do grid, ali pelo final da pontuação. 

Nico com problemas na sétima marcha recebeu informações da Mercedes e além de lidar com o problema, lida com a investigação pelo rádio. Com Hamilton, bem como apontou Ludy, a Mercedes teve cuidado com o que falar, mas com Nico não houve o mesmo cuidado. E nós que somos loucas, né?

No final, Nico garantiu a segunda posição.

By Lu

2 comentários:

Alberto disse...

São mesmo.
Se a Mercedes não fala nada ele nem tinha terminado a prova.
Melhor perder 3 pontos do que 25.

Anônimo disse...

Vacilo do Rosberg e da Mercedes. Menos mal q a punicao foi so 10segundos. Achei ate q iam desclassificar o Nico.
O campeonato esta aberto e espero q esse ano o Rosberg seja o campeao. Ele merece.
Andrey