11 de junho de 2016

O dia de Kimi e Vettel





Sebastian Vettel, terceiro: "Entrando na classificação, pensei que a pole fosse possível. Como piloto você sempre sente que pode fazer um pouco mais. Minha última volta me deixou muito feliz - talvez eu tenha sido muito ambicioso na curva dez, talvez não tanto na curva seis. Não tinha muito mais a tirar. Fora isso, estou muito feliz. Eu queria baixar da marca dos 13s, porque sabia que seria muito próximo às Mercedes. Fiz isso, mas só por um décimo, então estava faltando um pouco. No geral, creio que tenho um ótimo carro e estou feliz com como o final de semana está se desenvolvendo. No geral, estou muito confortável e gostei da classificação. Beijei o Muro dos Campeões, então agora eu não preciso mais fazer isso amanhã".


Kimi Räikkönen, sexto: "Desde ontem à noite nós fizemos um bom trabalho e melhoramos muito o comportamento do carro, mas hoje não foi fácil colocar o carro onde queríamos. Foi uma classificação agitada por causa das condições climáticas, e eu não gostei da pilotagem. Tive problemas aqui e ali, tive problemas na curva dez todas as vezes para fazer a frente rodar e não consegui juntar uma volta boa. Não tem sido um fim de semana fácil. Se você termina em sexto, ainda há trabalho a ser feito, mas estou certo de que para amanhã".

Fonte: Grande Prêmio

Como ontem, dia de opostos para os pilotos da escuderia italiana. Vettel com os louros e Kimi com os problemas.

Vai ser uma corrida longa amanhã. Ou não! #veremos

Beijinhos, Ludy

Nenhum comentário: