15 de maio de 2016

Verstappen vence e se torna o mais jovem da história no degrau mais alto

Com as duas Mercedes fora, Verstappen faz história ao vencer na Espanha tendo apenas 18 anos. Na sua primeira corrida com um Red Bull - após ser trocado pelo Kvyat - o menino vence e baixa 3 anos o recorde de piloto mais novo a vencer na F1 que era de Vettel com 21 anos. Kimi, até tentou impedir o feito, mas não conseguiu ultrapassar o garoto e ficou com a segunda posição. Vettel ultrapassou Ricciardo antes que esse ainda tivesse um pneu estourado. O pódio fica com uma Red Bull e duas Ferraris. 

Na Mercedes a corrida não durou nem um minuto completo. Na largada, Hamilton na pole não consegue segurar um ataque limpo de Nico que assumiu ponta e logo na segunda curva, o inglês força a barra, não consegue segurar o carro, passa pela grama e quando volta acerta o pneu traseiro do alemão. Resultado: os dois fora da corrida. Há 63 corrida algo assim não acontecia com a Mercedes.

Como sabemos o quisuco vai ferver e já começou a guerra quando os dois pilotos, conta-se, conversaram separadamente com Toto e Lauda e não conversaram entre eles. O grupo de wpp do trabalho está bombando na Mercedes.

Nesse interin, Ricciardo e seu sorriso todos os dentes do mundo assumiram a ponta da corrida. Até a volta 44 ele liderou feliz, mas teve de fazer a parada. Verstappen assumiu a ponta novamente na corrida para ser o mais novo piloto na história a liderar uma corrida. Ele tem a idade da minha irmã, mais ou menos, se eu tivesse sido mãe adolescente, o Verstappen poderia ser meu filho. Envelheci o suficiente para ter idade para ser mãe de piloto de F1...

Os dois pilotos, mais os dois da Ferrari formaram o quarteto que passou a corrida toda com virtuais chances de vitória. Todos andando perto, porém sem tantos ataques assim, cuidaram de suas estratégias para que no final tivessem chance de lutar pela primeira posição. 

Faltando menos de dez voltas para o final, Kimi e Verstappinho eram os dois que lutavam pela primeira posição, porém ambos com a necessidade de ir para o pit trocar os pneus velhos. Ir ou não ir? Arriscar ou não ir até o final com o que se tem? 

Mais atrás, Ricciardo, com pit feito, e Vettel também disputavam a terceira e quarta posições podendo estar disputando ao mesmo tempo a primeira e a segunda, se os da frente pararem. Vettel levou a melhor em uma ultrapassagem apertada e ousada encima de Ricciardo. Houve até um discreto toquinho de pneus, mas sem maiores consequências pela manobra... Ricicardo ia garantindo a quarta posição até ter um pneu estourado...

Na McLaren, Jenson conseguiu pontuar novamente, enquanto Alonso que vinha bem em oitavo viu o motor Honda não aguentar e teve de abandonar em casa. 

Kimi lutou até o final, mas não teve como ultrapassar o menino Verstappen. Vai ao pódio na segunda posição e vê de pertinho um menino de 18 anos vencer na F1. 

by Lu




Nenhum comentário: