15 de abril de 2016

Ferrari surpreende Mercedes

Ferrari surpreende Mercedes e fecha segundo treino livre na ponta na China com Räikkönen à frente de Vettel

Para quem esperava um novo domínio da Mercedes com Lewis Hamiltou ou Nico Rosberg dominando o segundo treino do GP da China, não deixou de ser uma surpresa ver Kimi Räikkönen no topo da tabela de tempos na tarde desta sexta-feira (15). Tanto o finlandês como também Sebastian Vettel conseguiram voltas muito convincentes em ritmo de classificação e se colocaram à frente dos bicampeões nesta segunda sessão com pneus supermacios, superando Rosberg e Hamilton. O 'Homem de Gelo' anotou 1min36s896, foi 0s109 mais rápido que Vettel e 0s237 perante Rosberg, piloto líder do campeonato.

No entanto, ficou claro que a Mercedes segurou o ritmo e preferiu adotar um cronograma para testar novos componentes e fazer simulações de corrida, de modo que não se deve considerar muito a liderança da Ferrari no confronto entre as equipes em termos de tempo de volta em Xangai nesta sexta-feira. Rosberg terminou à frente de um Hamilton que, se não cometeu os erros como os da manhã, foi discreto e preferiu focar seu pensamento no treino classificatório, deixando claro que vai dar o máximo para largar na melhor posição possível, considerando a punição imposta pela FIA por troca do sistema de câmbio da sua Mercedes.

Daniel Ricciardo foi o quinto colocado, seguido pela revelação Max Verstappen. Destaque para a Force India, que mostra querer reagir neste início de temporada. Nico Hülkenberg foi o sétimo, à frente do espanhol Carlos Sainz, da Toro Rosso, e do seu companheiro de equipe, Sergio 'Checo' Pérez. Valtteri Bottas fechou o rol dos dez primeiros, à frente de Fernando Alonso, finalmente apto a pilotar em todo o fim de semana da corrida, e de Jenson Button. Felipe Massa ficou em 14º, enquanto Felipe Nasr segue seu calvário na Sauber, sendo 20º com um C35 bastante problemático.


Depois disso, li o comentário do Nico falando que não se pode brincar com a Ferrari que cresce rápido neste ano. Teremos mesmo um ano de duas equipes na luta pelo título? Oremos!

By Lu

Um comentário:

Leonardo Luz disse...

Espero que a Ferrari tenha condições de brigar por essa vitória. Acho que agora podemos até ver os dois pilotos da escuderia italiana no pódio. Abraços.