14 de dezembro de 2015

E o veneno escorre...

Presidente da Ferrari cita “mudança brusca de comportamento” em 2015 e espera por “2016 fenomenal” de Räikkönen

Sergio Marchionne afirmou que Kimi Räikkönen se transformou na metade de 2015 e teve um bom fim de ano pela Ferrari. Entretanto, o presidente da escuderia espera mais para 2016, acreditando que o finlandês é capaz de ter uma temporada fenomenal

Kimi Räikkönen segue bastante prestigiado dentro da Ferrari. Nesta segunda-feira (14), quem saiu em defesa do finlandês foi Sergio Marchionne, presidente da escuderia, que garantiu que o piloto se transformou na metade de 2015 e tem tudo para fazer um 2016 fenomenal.

Marchionne garantiu que o comportamento de Räikkönen mudou muito durante o ano e que isso é algo que anima bastante a Ferrari para 2016.

"Se eu tenho algo animador a dizer, certamente é que vi uma mudança brusca no comportamento do Kimi durante a temporada. A segunda metade dele foi muito melhor que a primeira, foi como em um filme, em que a segunda parte é bem melhor que a primeira", disse.

Para o presidente, as conquistas familiares do piloto estão ajudando em sua mudança dentro das pistas.

"Eu falei com alguns colegas nos últimos três, quatro dias e temos visto que o Kimi tem mudado. Acho que o fato dele ter casado e virado pai refletiu na vida dele, ele mudou", seguiu.

Marchionne afirmou que Räikkönen está mais centrado e que a vontade de vencer em 2016 deve ser a mesma do companheiro Sebastian Vettel. 

"Ele está muito mais determinado, acho que vai ser ótimo para 2016. Acho que será o Kimi mais compenetrado dos últimos anos. Eu fico feliz por ele fazer parte do nosso time, temos dois ótimos pilotos que querem vencer", afirmou. 

O italiano terminou garantindo que o finlandês pode ter um ano fenomenal em 2016, como foi o 2015 de Vettel. 

"O Seb teve um primeiro ano fenomenal, espero que Kimi cresça muito para 2016 e possa ter também a sua temporada fenomenal. Eu acho que ele pode, ele é um ótimo cara", completou. 

Räikkönen terminou a temporada 2015 na quarta colocação com 150 pontos, pouco mais da metade do que conseguiu Vettel.

Fonte: Grande Prêmio

Eu ia deixar para lá e nem ia postar isto, mas mudei de ideia.

O veneno que escorre de TODAS as palavras de gente como Marchionne ou Arrivabene quando falam de Kimi é tamanho que minha única reação é...


Os "elogios" são falsos e a verdade por trás deles é a seguinte: dizem que esperam performance excepcional para colocar pressão no piloto e se ele não conseguir no mínimo um bom desempenho, o colocarão na rua. Como já fizeram uma vez.

Eu conheço este tipinho de gente que gerencia este time e eles não me enganam. O pior é que tem quem acredita que existe respeito ali dentro. Eu tenho apenas uma vontade quando leio estas coisas...


Para encerrar, meio off-topic, mas preciso falar porque estou saturada com algumas coisas que li a temporada toda. Aos que ficaram felizes em ver Kimi ter um ano abaixo da média porque o acham ruim, um capacho, que o acham abaixo dos outros campeões mundiais usando argumentos como "ele tem inveja" e que constantemente o menosprezam como piloto, só digo uma coisa...


Beijinhos, Ludy

Um comentário:

wagner disse...

kkkkkk, pô Ludy, falar que o Arrivababaca mordeu a maçã no paraíso foi foda, kkkkkkk Ps: prepotência é pouco pra esse pessoal da Ferrada, afinal não ganharam nenhum título em 2015 e já estão se achando 3:) sabem de nada inocentes, kkkk