8 de outubro de 2015

Sem comparações

Vettel evita comparações entre pistas da Rússia e de Cingapura, mas brinca: “Se o resultado for igual, não reclamo”

Sebastian Vettel não acredita que a Mercedes sofra tanto em Sochi quanto sofreu em Cingapura. Mesmo assim, em pistas bem diferentes, como classificou, brincou que não reclamaria se repetisse o mesmo resultado da prova noturna asiática

Sebastian Vettel não acredita que a Ferrari consiga dominar a Mercedes em Sochi como fez em Cingapura. Nesta quinta-feira (8), o alemão comentou que vê características distintas entre as pistas. Vettel, entretanto, brincou que não reclamaria se o resultado do GP de Cingapura se repetisse na Rússia.

Vettel começou diminuindo as expectativas em cima da Ferrari, afirmando que não espera o GP da Rússia parecido com a etapa de Cingapura.

“Eu acho que vai ser meio diferente. São pistas bem diferentes, não sei se os compostos vão ter tanto efeito assim. Mas, se os resultados forem os mesmos, eu não reclamo”, disse.

O alemão comentou que a Ferrari vai trabalhar passo a passo na Rússia e explicou que, pelas condições climáticas, o time italiano pode não conseguir testar tão bem os pneus.

“O caminho é longo, ainda é quinta-feira e nosso foco está todo na sexta e em começar o final de semana bem. O clima também vai ter um papel grande aqui, provavelmente amanhã nós não vamos usar os macios e os supermacios”, falou.

Vettel lembrou que a corrida de 2014 em Sochi foi pouco emocionante e atribuiu este fato às dificuldades dos times com acerto dos carros. 

“Vai ser um final de semana complicado. Ano passado o espaço entre os carros estava bem grande porque muita gente estava com problemas de acerto. Teremos trabalho”, explicou. 

O tetracampeão não abriu mão da luta pelo título de 2015, mas reconheceu que as chances da Ferrari aumentam no ano que vem. 

“Eu acredito que estaremos com chances bem mais consideráveis no ano que vem, mas ainda estamos em 2015, ainda temos algumas corridas e precisamos aprender com elas para o ano que vem. Claro que a meta ainda é brigar pelo título e vamos seguir sonhando com isso”, completou. 

Vettel ocupa a terceira colocação no Mundial de Pilotos. O alemão tem 218 pontos, 59 a menos que o líder Lewis Hamilton.

Fonte: Grande Prêmio

Eu não acho que será muito diferente das duas últimas provas não. Acredito que Vettel deve continuar na briga contra as Mercedes.

Mas se ele acha que será difícil, então beleza. Ele sabe melhor do que eu, é claro! rsrsrs...

Beijinhos, Ludy

Nenhum comentário: