26 de outubro de 2015

Seja mais você, faltou ser você

Rosberg fala em erro inacreditável e se queixa de atitude de Hamilton na largada: “Ele me empurrou deliberadamente”

Nico Rosberg não conseguiu esconder a decepção por ter perdido a chance de prolongar a disputa pelo título com Lewis Hamilton na F1 em 2015. Apesar de ter largado da pole e ter apresentando um ritmo quase impecável durante todas as 56 voltas da prova em Austin, um erro acabou permitindo a ultrapassagem de Hamilton nas voltas finais. O alemão não soube explicar o aconteceu naquele momento, mas, uma vez na ponta, o britânico seguiu firme para garantir a vitória e o tricampeonato.

Em entrevista ao cantor inglês Elton John, ainda no pódio, neste domingo (25), Rosberg se disse desapontado. "Inacreditável", afirmou o alemão, deixando clara a tristeza por um possível novo vice-campeonato.

 "Não sei o que aconteceu", completou Rosberg. O filho de Keke, embora decepcionado, ainda agradeceu o público norte-americano que acompanhou a F1 neste fim de semana, apesar da tempestade que atingiu a cidade texana.

Nico ainda reservou algumas críticas ao companheiro de equipe, especialmente na disputa dos dois na largada, quando Hamilton o espremeu na primeira curva. Rosberg acabou fora da pista na luta pela liderança. "Em minha opinião, eu tenho direito a um pouco de asfalto também. Ele me empurrou deliberadamente", afirmou.

Fonte: Grande Prêmio

Nico, Lewis não empurra ninguém, honey. Lewis "espalha" simplesmente. É assim desde 2007 mais ou menos. Lewis vive naquele mundo onde as regras são outras e nenhuma maldade será condenada. Como se faz para entrar nesse mundo eu não sei e nem quero você lá.

Dito isso, errou mesmo. Fazer o que? Acontece. Não foi só esse erro, formam muito nesse ano. Não foi um ano muito legal e você não foi tão você assim. Acontece. Vencer não é obrigação. É o objetivo, mas não é obrigatório. Agora, relaxa, medite e a ano que vem seja mais você. Foi isso que faltou. Seja você como foi você no ultimo título em 2005 e você lutando no ano passado.


Ainda te amo , gato :)

By Lu 

4 comentários:

Natália Dariva disse...

Boa, Lu! Disse tudo...em várias corridas não o reconheci, mas quem sabe tbm com a temporada terminando assim, ele não volte com uma vontade verdadeira de bater o mimado. Queria que a temporada de 2016 começasse amanhã! hahahaha
bjss

Kyna disse...

acho q 90% das leitoras do octeto querem q 2016 comece logo!
o lewis tá cada vez mais parecido c o alemão queixudo, e como teve alguns octetos q o bateram na pista e dentro das regras, ainda há esperança.
#qvenha2016

Carlos disse...

Foi muito bonzinho este ano e antes da próxima temporada chamar o exorcista para tirar este ar de bonzinho e também ressuscitar o Alonso. Se querem a próxima temporada para pegar fogo chamar o exorcista.

Juliana Amaral disse...

Lewis Hamilton espalha o carro como Ayrton Senna. A decisão de bater fica para o outro piloto.
Lewis espalhou Nico mas teve coragem de fazer o mesmo com o Daniel da RBR? Não. então esta na hora de Nico jogar do mesmo jeito.

Melhor exemplo foi o Kimi na corrida: Pode jogar para fora da pista? Na próxima ele vai ...

Abraços