Sem noção do tempo

Räikkönen admite posição difícil e diz não saber quanto tempo vai levar para corrigir problemas com F14T

Kimi Räikkönen reconheceu que não está fácil a readaptação à Ferrari em 2014 e disse que ainda vai levar tempo para corrigir todos os problemas que vem enfrentando com a F14T

Kimi Räikkönen admitiu não saber quanto tempo vai levar para corrigir os problemas que tem enfrentado com a Ferrari para encontrar um bom acerto para a F14T. O finlandês, que faz seu retorno à escuderia vermelha neste ano, viveu um GP da Austrália conturbado em meio a diversos contratempos, especialmente com relação ao equilíbrio do carro italiano nas freadas e entradas de curva.

Os problemas foram agravados durante a prova em Melbourne, neste domingo (16), devido à alta granulação dos pneus dianteiros. A equipe de Maranello e o piloto também trabalharam muito nas correções das falhas nos sistemas de recuperação de energia e na dirigibilidade do carro.

E o campeão de 2007 afirmou que não vê uma solução imediata para os atuais contratempos. "Sabemos mais ou menos o que temos de fazer, mas algumas coisas não acontecem do dia para noite", disse o nórdico. "Leva tempo para se colocar tudo em ordem", completou. 

"Também não posso prometer que vamos corrigir todos os problemas de uma vez. Já estive nessa situação antes e às vezes leva tempo mesmo. Infelizmente, não é uma posição fácil agora, mas olhando tudo o que aconteceu, poderia ter sido bem pior. Mas estou certo de que vamos recuperar esse tempo", concluiu. 

Ainda assim, Kimi completou o GP australiano em oitavo, mas acabou ganhando uma posição com a desclassificação de Daniel Ricciardo, da Red Bull. 

Fonte: Grande Prêmio

Futuro encorajador pela frente para Kimi em Maranello. #sqn

Por que não me surpreendo?! E depois ainda acham que tenho que me animar com isto?! #Peloamor

Beijinhos, Ludy

Comentários

Carlos disse…
É Kimi, por isso que não da para não ter sentado no carro e falado que 'não seria uma grande diferença pilotar esses carros', igual o senhor fez naquela entrevista digirindo a Ferrari nova.
Pois é Carlos, foi a mesma coisa que eu pensei...enfim...

Ludy
Eric Oliveira disse…
Aiai... É inaceitável, a Ferrari com toda a estrutura que tem, com todo o dinheiro que tem, não conseguir fazer um carro que preste, me pergunto como vão sobreviver quando o teto orçamentário for imposto, porque se gastando tanto dinheiro não conseguem fazer um bom carro, imagina com bem menos que isso!! Essa temporada vai ser complicada demais!! sinto que pior que 2009!!

Postagens mais visitadas deste blog

Feliz Aniversário, Alonso!!!!