Depois de Oz, Totó iria para Mercedes?

Wolff deixa Williams e substitui Haug como diretor da Mercedes, diz jornal alemão

 De acordo com o jornal alemão ‘Bild’, o austríaco Toto Wolff vai deixar a Williams nesta semana para assumir o cargo que era de Norbert Haug, que deixou os alemães após 20 anos de serviços entre o DTM e a reestruturação da equipe para voltar à F1.

O diário informa que o dirigente deve ser apresentado na equipe nos próximos dias, entre terça e quinta-feira, perto dos testes da equipe pela DTM. Além de cuidar da parte da F1, Wolff vai ser responsável por todo departamento de competições da montadora. O tempo de contrato não foi revelado.

 Trabalhando com investimento no automobilismo desde 1998, ele chegou à Williams como um dos acionistas e diretor em novembro de 2009. Com a reestruturação da equipe na última temporada da F1, que culminou com uma vitória após nove anos, Wolff foi promovido e assumiu o cargo de diretor-executivo do grupo. Ele é casado com Susie Wolff, atual pilota no DTM.

Além de investidor, Wolff também é empresário e conseguiu colocar Valtteri Bottas, ex-piloto da GP3, para fazer 15 treinos livres pela Williams na última temporada. O finlandês agradou, assumiu a titularidade da equipe, e vai ser o novo companheiro de Pastor Maldonado na F1.

A Mercedes entrou com um grande projeto na F1, mas conseguiu apenas uma vitória, com Nico Rosberg na China, até o momento. Mas foi a quinta colocação no campeonato entre equipes que acabou frustrando os principais diretores, que estão fazendo uma reestruturação para a segunda parte do projeto na categoria. E isso culminou com as chegadas de Niki Lauda para o cargo de presidente não-executivo e de Lewis Hamilton, que vai ocupar a vaga de Michael Schumacher.

Fonte: Grande Prêmio

Como quem está cantando a bola é o Bild, a gente sempre fica com o pé bem atrás quanto a veracidade dos fatos. Mas, não acredito em fumaça sem fogo e no mínimo um pensamento sobre o caso houve. Sempre há.

Como a matéria fala "nessa semana" vamos descobrir logo  se tem ou não verdade nisso tudo. Um furo ou uma barrigada do Bild.

Eu fiquei mto chateada com a saída do Haug. Não gostei de pronto desse Wolff e muito menos do jeito "nepotista" de  fazer  as coisas  onde ele consegue enfiar a mulher como piloto reserva e protegido na outra vaga que sobra. Isso não me cheira nada bem.

Hoje, vi até um meme onde a piada era NIco pensando "Toto na Mercedes? Preciso atualizar meu CV para 2014". Não sei se é o caso, seria burrice trocar Nico por Bottas, Susie, Barbie ou Ken.

E Sendo um baita acionista da Williams porque raios ele largaria o time? Aliás, pode ser acionista grande em uma equipe e tocar outra? Acho que não, né? Não seria nem ético.

Essa entra na categoria #veremos


By Lu

Comentários

Nelson disse…
Por outro lado ele é acionista também da HWA, que é uma empresa parceira no DTM (por isso a sra. Wolff é pilota no DTM), o que dá sentido a ele gerenciar o motorsport da Mercedes... para ele faz sentido também olhando o lado do potencial de sucesso, a Mercedes tem mais potencial que a Williams... só será estranho se ele se manter acionista da Williams, poder acho que até pode, mas está longe de ser ético.

Também não sou muito simpático a ele... e talvez, pelo modo como ele agiu na Williams, o Nico possa mesmo ter de procurar outro emprego para 2014...

Postagens mais visitadas deste blog

Feliz Aniversário, Alonso!!!!