Mais segurança

Para evitar novo problema com violência, Button diz que McLaren providenciou segurança extra em SP

 A violência que tomou conta de São Paulo nas últimas semanas preocupa a população, que vê o número de mortes só aumentar. Isso também vai afetar a maneira como as equipes vão fazer o translado entre os hotéis e o circuito de Interlagos, que recebe a última etapa da temporada da F1.

Vítima de um grupo armado em 2010, quando teve que fazer uma fuga para escapar dos bandidos no momento em que estava deixando o circuito, Jenson Button confirmou que a McLaren providenciou segurança extra para seus dois pilotos ao longo de todo final de semana da equipe em São Paulo. 

 "Nós estamos com veículos blindados e uma escolta da polícia”, confirmou o inglês, que tem Lewis Hamilton como companheiro de equipe.

Mas apesar do problema enfrentado, o inglês afirmou que gosta da corrida em São Paulo. “Eu adoro correr aqui e os fãs são muito apaixonados. É uma boa corrida. Ela existe há muito tempo e as pessoas aqui amam o automobilismo”, falou Button.

Os números oficiais da violência em São Paulo mostram um aumento de 80% em relação ao ano passado. Apenas em outubro, foram 176 assassinatos contra 82 em 2011 – 114% a mais do que no mesmo período do ano passado. No último final de semana, oito ônibus foram incendiados. Por conta disso, Antônio Ferreira Pinto deixou o cargo de secretário de segurança pública, posto que vai ser ocupado por Fernando Grella Viera.

Fonte: Grande Prêmio

Normal, né? Ainda mais depois do que passou aqui em 2010 (tinha certeza que tinha sido ano passado. Como o tempo passa!). Ainda achei gentil o modo como ele falou.

By Lu

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Feliz Aniversário, Alonso!!!!