Boullier e a gratidão por Räikkönen

Boullier fala em gratidão por Räikkönen por manter viva ambição da Lotus pelo título de 2012

Eric Boullier, chefe da Lotus, revelou gratidão por Kimi Räikkönen pelo finlandês ter conquistado um pódio em Spa-Francorchamps e mantido vivas as chances do time no Mundial de 2012

Eric Boullier, chefe da Lotus, concordou com Kimi Räikkönen e reconheceu que o E20 não era rápido o suficiente para disputar a vitória no GP da Bélgica com Jenson Button e Sebastian Vettel. O dirigente contou que o time chegou a reavaliar a estratégia, mas destacou que a terceira colocação no GP da Bélgica resultou em bons pontos para a equipe.

“Infelizmente, nós não tínhamos ritmo para Kimi desafiar Jenson ou Sebastian hoje”, reconheceu Boullier. “Nós tivemos de avaliar atentamente a estratégia durante a corrida para ver se deveríamos mudar a estratégia para uma parada, mas, no fim, o pódio ainda nos traz alguns bons pontos”, considerou.


Boullier garantiu que o time segue focado na meta de vencer na temporada e falou em gratidão por Räikkönen ter mantido vivas as chances do time preto e dourado no Mundial. 

“É claro, todos falam sobre a vitória e isso é algo que todos nós queremos. Nós não éramos rápidos o suficiente, então todos nós precisamos continuar trabalhando duro nesta meta”, ponderou. “Kimi fez um ótimo trabalho hoje ao garantir a terceira posição com um carro que realmente não era rápido o suficiente”, elogiou. 

“Na verdade, este foi um dos fins de semana mais difíceis e somos gratos ao Kimi por ter feito seu melhor para limitar os danos às nossas aspirações no campeonato”, encerrou.

Fonte: Grande Prêmio

Como eu disse aqui ontem, foi um resultado conquistado por Kimi. Este terceiro lugar veio porque o talento dele permitiu que isto acontecesse. Logo na relargada a gente viu que lutar pela vitória seria impossível, e este terceiro posto foi realmente o coelho na cartola por parte do Iceman.

E sim, podem ficar gratos mesmo Boullier, mas não só pelo que aconteceu ontem, e sim pelo que tem acontecido desde o dia em que vocês uniram o nome de Räikköne ao de vocês, porque por mais que o carro seja competitivo e que vocês estejam fazendo um excelente trabalho em dar ao Iceman um retorno bacana (e sou grata por isto), tenho certeza que vocês saíram ganhando muito mais nesta parceria.

Para encerrar, assistam a entrevista abaixo, de James Allison, que também elogiou a performance de Kimi na corrida de ontem e claramente disse no minuto 1:18: "Temos é que ficar agradecidos por um terceiro lugar ganho por um piloto inspirado e não pelo carro".

Não preciso dizer mais nada!

Beijinhos, Ludy

Comentários

wagner disse…
Hehe, como as coisas mudam rápido na F1, afinal Grojean não era o futuro...o fato é, nunca despreze um fora-de-série Boullier!
bryan disse…
Montezemolo foi desonesto e mau caráter com Kimi. A Ferrari não merecia ter sua história vitoriosa manchada por um ditador que se acha o dono do mundo. Quanta sujeira deve acontecer nos bastidores de Maranello....

Postagens mais visitadas deste blog

Mas logo o Maradona??