Semana Fernando Alonso 2012 - Dia 3: Parte 7



JULIE BRANDÃO:

A vitória mais ESPECIAL:

“O valor das coisas não está no tempo em que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis". (Fernando Pessoa) Esse GP de Valência foi marcante para mim. E, para expressar essa emoção, uso um trechinho de um texto que escrevi após a corrida: “Hoje em Valência, apesar de não ser espanhola, me portei como se fosse uma. Alonso me proporcionou uma emoção tamanha com uma corrida extraordinária, seus gestos fora da pista me fizeram sentir um orgulho ainda maior desse espanhol, chorando juntamente com ele no pódio! Às vezes, achamos que a vida já nos mostrou tanta derrota, mas de repente uma força estranha, a força de um ídolo, invade nossos espíritos e nos ajuda a continuar a caminhada, e principalmente, essa força especial nos ajuda a continuar a acreditar!”
Música Band of Brothers: AQUI

O momento mais DOLOROSO como torcedor(a) do Alonso nestes 11 anos: A perda do título na temporada de 2010 
 “Até uma boa decisão, se for tomada por motivos errados, pode ser uma má decisão.” (Piratas do Caribe) Muitos dizem que perder faz parte do esporte, mas convenhamos, é a parte mais dolorosa do jogo. Ninguém gosta de perder, ainda mais quando a situação estava favorável como a do GP de Abu Dhabi estava para o Fernando Alonso. Bastava um quarto lugar para gritarmos TRICAMPEÃO! Infelizmente, para mim, o gosto amargo da frustração ainda permanece, e sabe lá quando irei superar esse momento tão doloroso! Quem sabe um dia... Muitos dizem que, tanto no esporte como na vida cotidiana, o fracasso é inevitável em um dado momento e devemos saber enfrentá-lo, por mais difícil que seja a situação.
Música Cavatina: AQUI

O momento MAIS FELIZ como torcedor(a) do Alonso nestes 11 anos: A conquista dos dois campeonatos Mundiais (2005-2006) 
“A flor perfeita e rara, podemos esperar a vida toda para encontrá-la, mesmo assim, não seria um desperdício.” (O Último Samurai) A conquista dos dois campeonatos foi consequência de um trabalho muito bem elaborado no decorrer da temporada. Foi também a consagração do talento de Fernando Alonso, que com seu talento, garra e determinação, escreveu seu nome na história do automobilismo e conquistou o mundo!
Conquest of Paradise – Vangelis: AQUI

Sou alonsista há 10 anos porque: 
“Há exatamente dez temporadas na Fórmula Um, O meu coração é espanhol, e não brasileiro. Muitos me perguntam: Mas por quê? As razões são diversas, e a nacionalidade aqui é a que menos importa.Admiro Fernando Alonso por ele ser um PATRIOTA Que HONRA a bandeira e as cores de seu país; Conquistou o mundo por meio de sua inteligência, garra e talento. Muitos o definem como um GLADIADOR Porque persegue sem descanso os seus adversários; Outros o definem como um GÊNIO, às vezes INDOMÁVEL, Pela sua teimosia em não desistir tão facilmente da luta; Mas eu o prefiro definir como o ÚLTIMO SAMURAI Um guerreiro destemido, ousado, com um coração apaixonado. Um coração verdadeiramente asturiano - A essência de um CORAÇÂO VALENTE!
****************

 FÁBIO MOTA:

A vitória mais ESPECIAL: Dá pra dividir??? Hehehe Eu gosto basicamente de duas corridas. A primeira é a vitória em Ímola 2005, pq foi ela que me fez alonsista. Nela ele venceu o piloto que mais odiei na F-1. A segunda foi Valência 2012. Nela deu pra ver todas as características do espanhol. Rça, bravura, talento, luta, genialidade, sorte, personalidade forte e o fato de ser um ÍDOLO.

O momento mais DOLOROSO como torcedor(a) do Alonso nestes 11 anos: Infelizmente existem alguns momentos. Mas o pior foi Monza 2007, pq foi naquele fim de semana q estourou o escândalo de espionagem da Mclaren. E a mídia maldosa tentou comer Alonso vivo, mas graças a deus o espanhol soube sair altivo e firme dessa tempestade. Fiquei com muita raiva do fato de Alonso ser crucificado sem ter culpa naquele caso, como em muitos outros. 

O momento MAIS FELIZ como torcedor(a) do Alonso nestes 11 anos: É claro que o título de 2006. No de 2005 foi ótimo, mas existiam alguns comentários do tipo “Ah a Ferrari não tá bem, então não vale.” Em 2006 foi uma batalha dentro e fora das pistas com os italianos e com o maquiavélico Schumacher. A Renault da metade pro fim da temporada não era o grande carro, o título esteve quase perdido em Suzuka. Até estar quase ganho no Brasil. 

Sou alonsista há 7 anos porque: Por que sou do contra, pq gosto de pessoas de personalidade forte, que tem opinião própria e não enlatados. Que desafia a todos e que vence quando dizem ser impossível. Que mostra seu talento, genialidade e cala a boca de muitos. Basicamente que não se contenta com o que está estabelecido. Por que gosto de fortes emoções. E isso tudo transborda em Alonso.

**
BJusss, Tati

Comentários

Anônimo disse…
Tati, obrigada mais uma vez pela oportunidade em participar de mais uma SFA.

Saiba que é sempre um prazer vir aqui e falar um pouquinho a respeito desse piloto tão especial que é o Alonso!

Gracias mais uma vez!

Bjinhos
Julie

Postagens mais visitadas deste blog

Mas logo o Maradona??