Nada de lutar pelo título em 2012

Schumacher e Mercedes veem luta improvável pelo título em 2012

Definitivamente, o clima na Mercedes não é de otimismo declarado. Pela segunda — ou terceira, se consideradas as depois contestadas palavras de Michael Schumacher ao 'Corriere dello Sport' — semana consecutiva, declarações com sérias ponderações por parte de seus principais nomes ganham as manchetes. Durante o fim de semana, Schumacher afirmou que não vê sua equipe disputando o título de 2012.

"Seria presunçoso alguém esperar que lutemos pelo título no ano que vem. No momento, estamos longe demais", disse o heptacampeão, em evento da Mercedes para comemorar os 125 anos do automóvel. A declaração foi reproduzida pela agência de notícias 'GMM'. No início do mês, Ross Brawn, chefe da equipe, também foi realista quanto às chances para a temporada 2012 da categoria.

Na mesma ocasião, Norbert Haug, vice-presidente da Mercedes, foi pelo mesmo caminho, ao entender que ultrapassar McLaren, Ferrari e Red Bull em apenas um ano seria muito difícil. "Sob circunstâncias normais, você não vai de quarto a primeiro em um pulo", afirmou.

Mas, ao menos segundo Thomas Weber, membro do grupo de desenvolvimento dos carros da montadora, a Daimler — empresa-mãe da Mercedes — terá a paciência necessária para aguardar os resultados chegarem. "Nós daremos à equipe o tempo necessário para chegar no topo", falou.

Fonte: Grande Prêmio

Não se vai em um pulo, mas ano que vem será o terceiro ano de uma equipe que não nasceu do nada. Veio com toda a estrutura campeã e o escambau. Compraram uma campeã de "porteira fechada" e não conseguem fazer um carro que preste???

ai ai ai

Coisa bem boa na vida e não sofrer pressão. Daí que não se faz nada mesmo.

Estou irritada hoje, né? Nem tinha percebido até então...

By Lu

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Roubou a cena!