Semana Fernando Alonso - Dia 1: Temporada 2001

Eu não poderia ter como tema os 10 anos de Fernando Alonso na F1 sem falar um pouquinho sobre cada temporada do espanhol na categoria.

Os primeiros anos eu não pude acompanhar, mas tentarei trazer algumas informações para vocês, mesmo sabendo que muitos já conhecem a história do Alonso "de cor"!! hehehe


Vamos lá!

Semana Fernando Alonso 2011: Temporada 2001

No dia 4 de março de 2001, Fernando Alonso desembarcava em Melbourne com apenas 19 anos para disputar seu primeiro Grande Prêmio de F1. Representando a extinta equipe Minardi e sob o comando de Paul Stoddart, Alonso tinha como companheiro de equipe, o brasileiro Tarso Marques.

Alonso, Stoddart e Marques - Austrália, 2001

O jovem estreante naquele ano teve no GP da Alemanha a sua melhor colocação, largando em 21º e chegando em 10º, em um GP encerrado com apenas 10 carros na pista. Já em seu primeiro GP em casa, disputado em Barcelona dia 29 de abril de 2001, largou da 18º posição e chegou em 12º, terminando bem à frente do então companheiro de equipe Tarso. Na verdade, este era apenas um ensaio do aconteceria 5 anos depois... rs

Alemanha, 2001

Ao total Alonso não terminou 8 corridas de 17 disputadas naquela temporada de 2001, que teve como campeão do mundo o alemão Michael Schumacher. E ainda que com muito talento, não foi naquele ano que Fernando marcou seus primeiros pontos na categoria.

Antes de terminar a temporada, ele teve um novo companheiro de equipe, o malaio Alex Young, que substituiu Tarso Marques sob a clássica justificativa de que a equipe necessitava de dinheiro.

Paul Stoddart na época até admitiu que Tarso não possuía o mesmo equipamento que Alonso, a justificativa era a mesma: “Como o Tarso não trouxe nenhum dinheiro para o time, o seu carro foi aquele que costumava apresentar problemas, já que o melhor equipamento estava sempre no carro do espanhol Fernando Alonso”.

O ano do asturiano não foi nada fácil, como era de se esperar de um estreante de F1, principalmente porque sua equipe fazia parte dos “primos pobres” da F1. Mas Alonso desde o início da carreira na F1 já mostrava talento e despertava interesse aos donos das grandes equipes.

Inglaterra, 2001

A posição final no campeonato olhando apenas na tabela não pareceu nada promissora, um 23o lugar. Porém é de Fernando Alonso que estamos falando, piloto que sempre se destacou por se sobressair em condições desfavoráveis, extrair o máximo do carro e se adaptar rapidamente às condições ainda que adversas.

No final do ano Paul Stoddart convencido do talento o espanhol, já sabia que não poderia contar mais com o jovem piloto, que estava confirmado como piloto reserva da Renault para 2002. O “problema” do dirigente australiano era que Flávio Briatore, empresário do asturiano, também estava consciente do tesouro que tinha em mãos e tratou de levar Alonso de volta para a Renault/Benetton.

Fevereiro, 2001

Em 2001 o asturiano fora apenas "emprestado" para disputar o campeonato pela Minardi, tanto que, em fevereiro no lançamento do modelo da Benetton, antes do início da temporada, Alonso aparecia na foto como piloto Benetton ao lado de Jenson Button, Giancarlo Fisichella e Mark Webber.

”Já se sabe há muito tempo que Alonso vai correr pela Renault em 2003”, disse Stoddart em novembro de 2001.

Austrália, 2001

Ao longo da temporada Alonso, ainda bem tímido e de poucos sorrisos, começou a perceber que na F1 não bastava pilotar. Era preciso fazer eventos publicitários e dar entrevistas ... coisas que são parte do show e da rotina de qualquer piloto da categoria, do mais “pobre” ao mais “rico”.

Ainda que com um sorriso tímido, e bem diferente do, largo e despreocupado de hoje, o olhar obstinado deste espanhol continua o mesmo, ainda que com algumas ruguinhas a mais.


Vamos aos números da temporada do Fernando Alonso em 2001:


Grande Prêmio da Austrália -
Largou em 19 --> Chegou em 12 : Largou em 19º e terminou em 12º, penúltimo, a frente apenas de Giancarlo Fisichella, a duas voltas do líder.

Grande Prêmio da Malásia - 21

--> 13 : Largou em 21º e terminou 13º, penúltimo, a frente apenas do companheiro Tarso Marques, a três voltas do líder.

Grande Prêmio do Brasil - 19

--> RET: Largou em 19º mas não terminou a corrida por um problema elétrico no carro. Parou na volta 26.

Grande Prêmio de San Marino - 18

--> RET: Largou em 18º e com outro problema, não terminou o GP, completou apenas 5 voltas.

Grande Prêmio da Espanha 18

---> 12: Largou em 18 e terminou 12º a frente de Giancarlo Fisichella, Jenson Button e do seu companheiro Marques, a duas voltas do líder


Grande Prêmio da Áustria

-

18

--> RET: Largou em 18º e não completou o GP parando na volta 39.


Grande Prêmio de Mônaco 18

---> RET: Largou em 18º e não completou o GP parando na volta 55.


Grande Prêmio do Canadá - 22

--> RET: Largou em 22º e não terminou o GP completando apenas 7 voltas.


Grande Prêmio da Europa - 21

--> 14: Largou em 21º e terminou em 14º e último, a duas voltas do líder

Grande Prêmio da França - 21

--> RET: Largou em 21º e não completou o GP, deu 65 voltas.

Grande Prêmio da Inglaterra - 21

--> 16: Largou em 21º. e terminou em 16º e último, a três voltas do líder

Grande Prêmio da Alemanha - 21

-->10: Largou em 21º e terminou em 10º e último, a uma volta do líder


Grande Prêmio da Hungria - 18

--> RET:Largou em 18º e não completou o GP, deu 37 voltas.

Grande Prêmio da Belgica - 20

--> RET: Não completou nenhuma volta.

Grande Prêmio da Itália - 21

--> 13: Largou em 21º e terminou em 13º e último, a duas voltas do líder.

Grande Prêmio dos Estados Unidos - 17

--> RET: Largou em 17º e não terminou a corrida, completou 36 voltas.

Grande Prêmio do Japão - 18

-->11: Largou em 18º e terminou em 11º, a frente de Heinz-Harald Frentzen, Olivier Panis, Enrique Bernoldi, Jos Verstappen e Alex Yoong, a uma volta do líder.

****

Amanhã teremos os anos de 2002 e 2003!!! AGUARDEM!!



Daqui a pouco, volto com mais!!!


Bjinhus, Tati

Comentários

Ângela Lima disse…
E essa carinha de bb do Fernando e do Jenson. Acho fofo!!!
rsrsrs....

2001....nem passava pela minha cabeça assistir corrida de F1 novamente.

Ainda bem que isso mudou. hahaha...

Estou amando a SFA 2011.
Julie disse…
Oi Tati!

Essa SFA2011 está fabulosa, pra lá de emocionante!

Em 2011, eu estava mais distante da F-1, acompanhava somente como expectadora, nada de torcida, nada me encantava.

Mas tudo isso felizmente mudou. Graças a esse piloto espanhol que começou a carreira na Minardi...hehehe

Bjusss
Julie

Postagens mais visitadas deste blog

Roubou a cena!