Seria difícil encaixar o Bahrein novamente

Haug acredita que será difícil encaixar Bahrein novamente no calendário

O adiamento do GP do Bahrein, marcado inicialmente para 13 de março, por conta das manifestações da população contra o governo do país já começa a preocupar algumas equipes no que diz respeito ao encaixe da corrida no calendário. O diretor-esportivo da Mercedes, Norbert Haug, por exemplo, acredita que a transferência da corrida em Sakhir para uma data posterior pode causar um problema de logística para as equipes.

Há rumores indicando a possibilidade de o GP do Bahrein ser disputado entre as etapas do Brasil, a última do ano, e de Abu Dhabi, que passaria a ser a antepenúltima. “Encontrar um espaço em um calendário solidamente escrito vai ser uma tarefa muito difícil”, declarou Haug à agência de notícias ‘SID’. “Eu não acho que seja viável. É preciso, em primeiro lugar, pensar nas equipes.”

Timo Glock concordou com a opinião do dirigente da Mercedes. “Para os pilotos não haveria nenhum problema, mas para as equipe e os mecânicos é muito diferente e difícil. Está nas mãos de quem decide, e esperamos que as equipes estejam envolvidas também”, salientou o piloto da Marussia Virgin.

Christian Horner, por sua vez, se mostrou mais otimista quanto ao futuro do GP do Bahrein. “Certamente será um desafio, mas nada é impossível. O calendário está muito cheio este ano. Vamos terminar as 19 corridas no fim de novembro”, finalizou o chefe da Red Bull.

Grande Prêmio

Que é complicado organizar tudo de novo é, mas jamais duvide do Tio bernie quando ele não quer perder alguns milhões...

By Lu

Comentários

wagner disse…
Oh yes! Time is money! Tio Bernie disse, hehe.

Postagens mais visitadas deste blog

Feliz Aniversário, Alonso!!!!