GP do Bahrein preocupa

Bernie admite preocupação com o caos no Bahrein

As manifestações violentas no Bahrein por uma reforma governamental e a possibilidade de um protesto durante o GP de F-1, marcado para março, já preocupam Bernie Ecclestone.

O chefão da F-1 admitiu que a situação merece ser analisada com cuidado e já tem feito contato com o Príncipe Salman ibn Hamad ibn Isa Al Khalifa, mas descarta um cancelamento.

"O perigo é óbvio, não? Se essas pessoas querem confusão e reconhecimento mundial será fácil, não? É só criar um problema no grid de largada e isso terá cobertura mundial", disse Ecclestone ao jornal "The Daily Telegraph."

"Não tenho ideia se a corrida poderá ser cancelada. É difícil estabelecer sem saber ao certo o que está acontecendo. Como disse, estou falando com o Príncipe. Estamos vendo tudo com cuidado e vamos confiar no que eles acham certo", encerrou.

Fonte Tazio

Todo o cuidado será pouco. Agora, que o pessoal entendeu a força que tem quando estão unidos essas revoltas serão mais frequentes.

Só há de se char um modo de mostra a força sem que vidas se percam pelo caminho. Bem como, tem que se tomar cuidado para não trocar um tirano por outro. Mas, aí já sou eu filosofando..

By Lu

Comentários

Kaoru disse…
Não se preocupem q não vai ser cancelado não. Imagina se tio Bernie vai querer perder a grana dos árabes...
Fernando Kesnault disse…
Olha...se fossem um país pobre tava os EUA reclamando que não tem direitos humanos, liberdade, etc....mas como são ricos em petroleo e os EUA usufruem ao maximo deste item e tem até uma base por lá, ficam caladinhos pois estão a levar vantagem....curiosidade do Bahrein, a maioria da população é xiita tal qual o pessoal do outro lado do golfo (Irã) e a minoria abastada do Reino é sunita, então...

Postagens mais visitadas deste blog

Feliz Aniversário, Alonso!!!!