O preço do racha

Para criar um novo campeonato, as equipes da Fota terão disponíveis mais de US$ 2 bilhões de dólares por ano, de acordo com a revista "Formula Money".

A publicação calcula que esse dinheiro gerado pelas oito equipes corresponde a 47% dos recursos totais de 2008, levando em conta patrocinadores, fornecedores e contribuições de seus proprietários.

Desses US$ 2 bilhões, cerca de 667 milhões vêm em forma de rendimento dos patrocinadores.

O impacto do racha, segundo a revista, irá direto para a F-1, que não conseguirá manter seus fãs. "Isso pode tornar as coisas mais difíceis para os promotores, que pagam cerca de US$ 23,7 milhões para fazer uma corrida."

Outro tópico que dará dor de cabeça à dupla FIA/FOM será a negociação dos direitos de transmissão, já que muitas emissoras desejarão encerrar o contrato ou renegociá-lo a valores bem menores, com a saída de ícones como Ferrari e McLaren.

"Essas equipes também gastam grandes quantidades em camarotes corporativos e patrocínios de pista, então a saída delas terá um impacto impressionante nos recursos da categoria."

Por fim, a "Formula Money" acredita que o esporte precisa de US$ 500 milhões de investimentos anuais para sanar os custos e obrigações.


Fonte: Tazio

É meus queridos leitores, está aí o preço do que Max e Bernie fizeram à Fórmula 1.

Beijinhos, Ice-Ludy

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mas logo o Maradona??

Alonso em 2023

Roubou a cena!