9 de outubro de 2016

Quarto lugar

‘Rei das reclamações’ em Suzuka, Vettel minimiza interferência dos retardatários por quarto lugar no GP do Japão

Sebastian Vettel protagonizou as atenções da corrida graças às inúmeras reclamações via rádio ao longo da prova deste domingo (9) em Suzuka. Mas, ao fim da disputa do GP do Japão, o alemão disse que os retardatários não tiveram tanta influência no seu resultado. O fato é que o desgaste dos pneus macios no seu stint final acabou sendo determinante

Sebastian Vettel flertou com o pódio do GP do Japão, prova disputada neste domingo (9), em Suzuka, durante praticamente toda a disputa. Porém, na fase final da corrida, o alemão fez seu pit-stop derradeiro, com a Ferrari calçando seu carro com pneus macios, e partiu para o ataque a Lewis Hamilton. Mas os compostos se desgastaram demais e impediram o alemão de fechar o dia em Suzuka no pódio.

A performance de Seb, embora tenha sido bastante razoável, não foi o que mais chamou a atenção. O sem número de reclamações do piloto via rádio ao longo da prova, sobretudo na negociação de ultrapassagem nos retardatários, mostrou a irritação do tetracampeão do mundo. Durante uma manobra para ultrapassar o carro da Manor, Vettel disparou: “É ridículo”.

Mas, no fim das contas, o piloto da Ferrari entende que as bandeiras azuis não foram determinantes para fazê-lo perder o pódio em Suzuka. Sebastian Vettel acabou apenas em quarto lugar. 

“Parece que a gente sempre pegava os retardatários nas curvas, onde é difícil passar, por isso perdemos tempo”, comentou o piloto em entrevista pouco depois da corrida em Suzuka. 

Seb falou sobre o momento decisivo, quando fez seu segundo pit-stop e voltou atrás de Hamilton. “Deveríamos ter saído à frente de Lewis, então os retardatários nos fizeram perder nossa posição na pista. Mas, olhando para a diferença no fim, isso não teve muita importância. Nosso objetivo era o segundo lugar, não o terceiro”, disse. 

No fim das contas, o alemão se mostrou conformado e evitou reclamar mais. “Todo mundo está fazendo a sua corrida. Eu acho que simplesmente cheguei neles tarde demais. Lewis conseguiu passar nas retas. E parecia que eu sempre perdia um pouco porque, quando eu alcançava [os retardatários], eles estavam pegando a subida ou então passando pelas curvas.” 

Mas Vettel entende que o fim de semana acabou sendo bom para a Ferrari, que colocou Kimi Räikkönen em quinto lugar. “Foi um fim de semana positivo. Com a punição para nós dois, foi complicado, mas conseguimos reagir, e então parecia que conseguiríamos conquistar um pódio. Tivemos muito mais desgaste dos pneus para lutar do que nós esperávamos”, finalizou. 

Com o resultado deste domingo em Suzuka, Vettel acabou caindo para o sexto lugar. Max Verstappen terminou a prova em segundo e empatou em número de pontos com o alemão, somando 165, mas o holandês leva vantagem por ter vencido uma corrida na temporada 2016.

Fonte: Grande Prêmio

Para quem havia sido punido, acho que o resultado foi até ok. Embora em certo momento da prova tenha parecido que a Ferrari estava com um carro bem rápido mesmo. 

Quantos às reclamações, ele realmente estava atacado este domingo! rsrsrs

Beijinhos, Ludy

Nenhum comentário: